Trilhas e Roteiros »

CicloMantiqueira DIA 04 / Gonçalves – São Bento do Sapucaí

CicloMantiqueira DIA 04 / Gonçalves – São Bento do Sapucaí

KM Total: 24,85
Metros subidos: 574 / descidos: 932
Tempo estimado: 1:15 a 3 horas

DESCRIÇÃO:

Dia de descer a serra! Mas, partindo do centro de Gonçalves, o trajeto sobe bastante até o bairro rural de Campestre, para chegar à beira da descida que leva ao vale do Rio Sapucaí Mirim, onde São Bento do Sapucaí está localizada. Prepare-se para uma descida cheia de adrenalina! A vista na beira da serra é espetacular e a Pedra do Baú decora o horizonte como um marco imponente. São 800 metros de desnível em cerca de seis míseros quilômetros! Tanto Gonçalves quanto São Bento do Sapucaí oferecem boas opções de hospedagem e alimentação para repor as energias. Por tratar-se de um trecho relativamente curto e com muita descida, existe sempre a opção de emendar esse dia com o próximo, que tampouco é muito longo ou excessivamente árduo. Todo o percurso da CicloMantiqueira encontra-se minuciosamente descrito e mapeado no GUIA DE TRILHAS CICLOMANTIQUEIRA.

Trilhas são caminhos orgânicos, vivos, primeiras testemunhas de nossos passos na Terra. Todo caminho nasce de uma trilha. Todo caminho guarda em si o DNA de sua origem. Antes de visitar qualquer trilha publicada em nossos livros, aconselhamos a visita a sua página nessa sessão. Leia os comentários de quem já esteve lá, verifique se houve alteração nos roteiros. Depois de fazer uma de nossas trilhas, escreva aqui seus comentários e ajude a manter nossos títulos atualizados. A comunidade Kalapalo agradece…

Sua opinião (em pedaços de pizza)

4 comentários »

  1. Luciano Vieira 23/01/2014 at 23:14 - Responder

    Esporte praticado: MTB

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Pedalando no quintal de casa ! Mais uma vez fiz essa trilha, dessa vez no começo de uma viagem de 7 dias e 420 km. Nenhuma novidade, a vista da divisa continua linda, a estrada está melhor, mais cascalhada. Esse foi o primeiro dia de viagem, dia 06/01/2014. Cheguei em São Bento às 11:30 da manhã, e já tinha decidido juntar esse com o próximo dia, pra chegar em Brazópolis. Fiz um lanche à guisa de almoço e segui. Continua...

    Nota:

  2. Hendrik Fendel 10/01/2011 at 22:19 - Responder

    Esporte praticado: MTB

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Unimos as etapas dos dias 3 e 4 do guia. Em Monte verde encontramos um biker muito simpático na rua logo que chegamos a cidade o conhecido Joselito, após conversas e cunho “de onde vens, pra onde vais” ele nos disse que havia um caminho por trilha que ia em direção a Gonçalves e que além de ser mais perto evitava muitos sobe e desce e movimento de veículos. Perguntamos se ele nos guiaria neste trajeto e a resposta foi positiva. A trilha passa pela periferia de Monte Verde e entra em um reflorestamento, saindo novamente no km 26,34 do roteiro original do dia 3. Para quem quiser fazer a mesma trilha fica o contato do Joselito (Joselito Cardoso Damião Cardoso, joselitodh@gmail.com). No quilometro 44.08 da planilha, 6 km antes de chegar a Gonçalves entramos a direita no ponto 6,61 da planilha do dia 4, onde reprogramamos os ciclo computadores e pedalamos em direção a São Bento do Sapucaí, totalizando 57 km (a trilha economizou 19 km e 361 m de ascensão e acrescentou muita adrenalina). A descida final da serra do serrano é algo indescritível, havia tanta poeira que foi impossível descermos todos juntos, tamanho era a poeira que levantávamos com as bikes. Em São bento do Sapucaí reservamos um dia para Subir a Pedra do Baú. Pedalamos 10 km morro acima até a propriedade do senhor Chico Bento aos pés da Ana Chata, lá deixamos as bikes e encaramos a trilha e consequente escadaria até o topo do Baú, no total foram 20 km pedalados, 8 km caminhados e 1326 m de subida acumulada, valeu cada degrau de escada e m ascendido!

    Nota:

  3. Luciano Vieira 03/11/2010 at 22:21 - Responder

    Esporte praticado: MTB

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Por frequentar a cidade de Gonçalves a mais de dez anos, eu já sabia da existência dessa trilha,inclusive já tinha pedalado até o bairro do Campestre por um pedaço desse caminho... A região é maravilhosa, apesar do sobe-desce....A vista do alto na divisa de municípios é de tirar o fôlego, obrigatória a parada para fotos... Um abraço

    Nota:

  4. Walter Kauss 16/07/2010 at 22:22 - Responder

    Esporte praticado: 4x4

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Chegar em Gonçalves no início da noite de 21/04/2010 cheio de fome e "achar" o restaurante Demeter na Roça é surpreendente. Comi um penne à moda Demetre que estava simplesmente divino. Não dá para esquecer. Foram 210 km de Campos do Jordão até Gonçalves do mais puro prazer de andar em offroad.

    Nota:

Deixe um comentário »

* * *


9 − dois =