Trilhas e Roteiros »

CicloMantiqueira DIA 09 / Marmelópolis – Passa Quatro

CicloMantiqueira DIA 09 / Marmelópolis – Passa Quatro

KM Total: 33,62
Metros subidos: 641 / descidos: 996
Tempo estimado: 1:30 a 4:30 horas

DESCRIÇÃO:

Um dia de estradinhas de veículos 4×4 em altitude nunca inferior a 1.200 metros acima do nível do mar, típico da Serra da Mantiqueira no seu melhor! O trecho que conecta a pacata e diminuta Marmelópolis à turística e simpática Passa Quatro acompanha também o trajeto de um dos roteiros de trekking mais clássicos do Brasil, a travessia MARINS-ITAGUARÉ (link para essa trilha aqui no site). Essa caminhada em cristas de montanhas, de três dias de duração, está detalhadamente mapeada no GUIA DE TRILHAS TREKKING (VOL. 2), publicado pela Kalapalo Editora e também de autoria de Guilherme Cavallari. Resolvendo o problema de logística, seria possível deixar a bicicleta no começo da travessia, próximo ao Pico dos Marins, fazer o trekking e, de alguma forma, reaver a bicicleta no Campinho do Itaguaré, onde termina a travessia e ao lado da estradinha de terra que leva a Passa Quatro. Uma aventura completa! Esse DIA 9 da CicloMantiqueira, depois do bairro rural de São Bento, despenca a serra vertiginosamente até o vale do Rio Passa Quatro, onde a cidade homônima se encontra localizada. Na descida o cicloturista se vê de frente para o maciço imponente da Serra Fina, onde está o roteiro em trekking “mais difícil do Brasil”, a travessia da SERRA FINA (link para essa trilha aqui no site), detalhadamente mapeada no GUIA DE TRILHAS TREKKING (VOL. 1). Passa Quatro oferece excelentes opções de hospedagem e alimentação. Todo o percurso da CicloMantiqueira encontra-se minuciosamente descrito e mapeado no GUIA DE TRILHAS CICLOMANTIQUEIRA.

Trilhas são caminhos orgânicos, vivos, primeiras testemunhas de nossos passos na Terra. Todo caminho nasce de uma trilha. Todo caminho guarda em si o DNA de sua origem. Antes de visitar qualquer trilha publicada em nossos livros, aconselhamos a visita a sua página nessa sessão. Leia os comentários de quem já esteve lá, verifique se houve alteração nos roteiros. Depois de fazer uma de nossas trilhas, escreva aqui seus comentários e ajude a manter nossos títulos atualizados. A comunidade Kalapalo agradece…

Sua opinião (em pedaços de pizza)

3 comentários »

  1. Marcelo Manginelli 28/07/2013 at 21:35 - Responder

    Esporte praticado: MTB

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Esse trajeto teve uma das paisagens mais linda de toda a Expedição e Curso Mountain Bike. A descida para chegar a Passa Quatro é maravilhosa e muito emocionante! É muito técnica! Hehehe...

    Nota:

  2. Walter Kauss 16/07/2010 at 22:36 - Responder

    Esporte praticado: 4x4

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Como este é o meu último trecho da grande volta sul do Ciclomantiqueira, vou bem devagar para apreciar o caminho. Paro no acampamento base do Pico do Itaguaré mas não vejo vestígio de pessoas. De Gonçalves até Passa Quatro são 120 km de bons caminhos de offroad. (22/04/2010) Valeu Guilherme !!!

    Nota:

  3. giovanni oliveira toledo rodrigues 25/05/2010 at 22:36 - Responder

    Esporte praticado: MTB

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Data de realização: 23/04/2011#1° dia de viagem# Os 33,62km deste trajeto é o que há de melhor no que a modalidade Mountain Bike poderia oferecer. Com uma vista majestosa do Pico dos Marins e Pico do Itaguaré, vegetação exuberante, floresta de pinheiros que gera um encanto ímpar, riachos de águas cristalinas e até uma cachoeira pra lavar a alma são algumas das atrações que a natureza nos oferece durante o pedal. E como é mencionado no Guia, o downhill final é realmente “de tirar o fôlego”, sendo uma descida incrível onde com certeza muitas fotografias serão tiradas. Tudo o que foi dito no Guia a respeito desse trajeto é realmente “de tirar o chapéu”! Só tenho elogios a fazer deste trajeto e informações disponíveis.

    Nota:

Deixe um comentário »

* * *


oito − = 3