Trilhas e Roteiros »

GT enCICLOpédia Vol. 3 / Ilhabela 1

GT enCICLOpédia Vol. 3 / Ilhabela 1

KM Total: 29,00
Metros subidos: 763 / descidos: 763
Tempo estimado: 1:15 a 3:30 horas

DESCRIÇÃO:

A Ilhabela ferve no verão, de sol e de gente. Esse roteiro começa no centro da Vila de Ilhabela, com direito a foto inicial na porta da antiga cadeia, construída no começo do século XVII. O roteiro segue por asfalto metade do caminho, ou mais, porque existe a triste tendência de se asfaltar todo o planeta, até a Praia do Jabaquara, a quase quinze quilômetros do centro da vila. Jabaquara é isolada, mas não é deserta, e oferece boa estrutura de bares e restaurantes. O percurso não é plano, vai margeando a costa, pode ter trânsito pesado de veículos no verão, mas é curto e belo o suficiente para agradar tanto a iniciantes quanto a bikers experientes. A dificuldade de estacionar carros por toda a Ilhabela no verão faz da bicicleta a melhor opção de transporte até a Praia do Jabaquara. Esse roteiro é também uma proposta de transporte em bicicleta por uma região turística e, ainda, com beleza natural… Você topa deixar o carro em casa?

Trilhas são caminhos orgânicos, vivos, primeiras testemunhas de nossos passos na Terra. Todo caminho nasce de uma trilha. Todo caminho guarda em si o DNA de sua origem. Antes de visitar qualquer trilha publicada em nossos livros, aconselhamos a visita a sua página nessa sessão. Leia os comentários de quem já esteve lá, verifique se houve alteração nos roteiros. Depois de fazer uma de nossas trilhas, escreva aqui seus comentários e ajude a manter nossos títulos atualizados. A comunidade Kalapalo agradece…

Sua opinião (em pedaços de pizza)

Um comentário »

  1. Carlos Valente 01/03/2011 at 14:11 - Responder

    Esporte praticado: MTB

    Característica pessoal: Amador

    Comentário: Nos dias 04,05 e 06/02/11 fomos em 03 ciclistas para Ilha Bela realizar a trilha Ilha Bela 1. Há 3 anos já planejamos esta aventura e a escolhemos por costear as praias. Reservamos o dia 05 exclusivamente para esta pedalada. Nosso ponto de partida foi a partir da rotatória que dá acesso a balsa. Seguimos em direção a Capela pela ciclovia costeando as praias. Vale a pena curtir este trecho. O Sol estava muito forte e pelo trecho de terra necessitamos de água extra, a qual encontramos primeiramente em uma bica e depois num riacho de água cristalina.Faltando perto de 2 km para chegarmos a entrada da praia do Jabaquara, encontramos o “Seu” Antonio do Caldo de Cana, cercado de muitas jaqueiras. Incrível... tomamos o caldo de cana com canudinhos de bambuzinho feitos pelo “Seu” Antonio. Vale guardar como lembrança. Sempre que fazemos as trilhas do Guia, procuramos tirar fotos nos mesmos lugares e ângulos, que estão no Guia. O único problema que tivemos foi um pneu furado, mas já estávamos voltando e próximos a Capela. Quanto aos borrachudos, realmente são vorazes, mas com repelente conseguimos nos defender. Ao todo rodamos 42,770 Km.

    Nota:

Deixe um comentário »

* * *


sete + 4 =