Highlands, por Baixo do Saiote Escocês

R$54,00

950 em estoque


REF: 139

Categoria

Descrição

Guilherme Cavallari, autor de outros 17 livros, entre eles o consagrado TRANSPATAGÔNIA, PUMAS NÃO COMEM CICLISTAS, narra nesse título sua experiência no roteiro de trekking CAPE WRATH TRAIL, considerado “a travessia mais difícil da Grã-Bretanha”. Cavallari realizou o percurso de 450 km de extensão sozinho e de forma autossuficiente, caminhou por 23 dias e cruzou praticamente toda a distância sul-norte das Highlands da Escócia fora de temporada. Mas a narrativa de HIGHLANDS, POR BAIXO DO SAIOTE ESCOCÊS não se restringe apenas à descrição da trilha e da caminhada. O livro é muito mais do que um simples diário de viagem.

Confirmando sua marca registrada de apresentar extensa pesquisa histórica, cultural e literária em seus textos, de forma leve e interessante, Cavallari dá um passo além nesse trabalho. HIGHLANDS, POR BAIXO DO SAIOTE ESCOCÊS é um livro de forte teor psicológico e muito intimista, onde passagens muito pessoais do autor, autobiográficas, são mescladas à aventura de caminhar muitos quilômetros sozinho por terreno inóspito e deserto de gente. Em paralelo, personagens históricos e contemporâneos são apresentados com profundidade, simplicidade e inteligência. Como o subtítulo propõe, este é um livro que expõe a intimidade da região visitada, além de expor também a intensidade da mente do autor.

Conforme o próprio Guilherme Cavallari escreve no livro: “Não existe literatura de viagem sem um viajante” e essa máxima fica clara em HIGHLANDS, POR BAIXO DO SAIOTE ESCOCÊS. O livro é ousado por muitas razões, mas em especial por tratar-se de uma obra do segmento aventura, onde em geral os textos são apenas expressões de façanhas físicas sem conteúdo emocional, psicológico ou contexto histórico e cultural. O autor nesse livro rompe barreiras e se arrisca. Aventureiros, afinal, pensam, sentem, filosofam e pode fazer poesia em prosa.

  • Highlands – Por Baixo do Saiote Escocês 
  • Guilherme Cavallari
  • 2017
  • 230 páginas
  • 16 x 23 x 1,5 cm
  • 380 g
  • Kalapalo Editora
  • ISBN 9788588493124

Comentários de quem leu HIGHLANDS, POR BAIXO DO SAIOTE ESCOCÊS

“Sem dividir [HIGHLANDS – POR BAIXO DO SAIOTE ESCOCÊS] em partes estanques, [o autor] consegue equilibrar no livro uma descrição minuciosa da [Cape Wrath Trail], que se revela árdua e virtualmente letal, caso explorada no inverno, com o relato das vicissitudes pela qual passa uma pessoa que enfrenta seus demônios – que é, pode-se dizer, a causa última da literatura, seja ela de ficção ou não-ficção. De quebra, a tigrada ainda ganha uma aula de história da Escócia e da Grã-Bretanha ministrada da melhor maneira possível, a peripatética”.
(Paulo Vieira, editor do site JORNALISTAS QUE CORREM) 

“Já comprei três livros indicados na publicação. Isto é muito legal pois poderei continuar viajando pelas Highlands por mais algum tempo ainda. Aventura e conhecimento, isto é nota dez! Me tocou bastante o fato do autor ter escrito muito sobre o que se passava em sua cabeça ao longo da trilha. Passagens que deixaram parecer o lado mais humano de quem escreve. Aventureiro também é gente como a gente! Gostei de tudo! Excelente leitura!”
(Pedro de Paula Santos Junior)

“Empolgante, vívido e corajoso!”
(Adriana Zibetti)

“Muito mais do que a narrativa de uma trilha, o livro trata de um mergulho dentro do aventureiro de forma tocante e, por vezes, emocionante. Um dos livros de aventura mais bonitos que já li.”
(Mario Freitas Neto)

“[No livro] a trilha é muito mais que uma caminhada, é um momento de descobertas e experiências que vale cada segundo, mesmo os mais aflitivos e úmidos. Adorei a narrativa, valeu muito! Leiam!”
(Monica Kestener)

“Aprendi muito sobre a história, cultura, culinária e curiosidades sobre as Highlands. Sem falar das inúmeras referências e citações que me levaram a pesquisar e ler ainda mais sobre essa inóspita região da Escócia. Recomendo a leitura desta obra não só para quem gosta de literatura de aventura, ma também para quem quer ampliar seu universo cultural.”
(Cristina Cesar, editora de livros didáticos e professora de inglês)

“HIGHLANDS, do Guilherme [Cavallari] escritor e aventureiro, é um minucioso descritivo de como cumprir a trilha Fort William-Cape Wrath, para qualquer trilheiro que se preze. Traz as referências dos bothies [cabanas gratuitas em locais remotos], dos passos entre montanhas, das vilas, dos vales, das rodovias, das alturas e das distâncias. Para os sedentos por saber, ele vai na essência, ao penetrar na história da terra e do povo. Mas qualquer tipo de leitor vai logo perceber, com o livro nas mãos, que ele é uma deslavada declaração de amor. À natureza, à história, aos livros, à Escócia. Mais ainda a algumas pessoas especiais para o autor, as quais, no seu pensamento, fizeram parte, de cabo a rabo, ou de forte a cabo, desta trilha nas terras altas escocesas. Não é pouco. Qualquer um de nós gotaria de se despedir das pessoas que amou eternizando-as nas páginas de um livro. Tornando-as para sempre parte da nossa própria história. Guilherme fez isso… O [autor], sujeito calado, mas que fala o tempo todo no nosso ouvido, no fim do livro parece mais um parceiro de treino. Compartilha os pequenos e grandes obstáculos do trajeto e nos provoca, frente a cada um dos desafios da montanha e da solidão.”
(Sidney Puterman, autor do blog EU LI E ACHEI ISSO)

“Um livro bem intimista. O autor foi corajoso e sensível. Gostei particularmente das reflexões sobre o que é ser aventureiro, das dúvidas existenciais e dificuldades de quem pratica [aventura], [das reflexões] sobre estilo, valores e filosofia de vida. Muito inspirador! [Encontrei] reflexões que não li em nenhum outro livro de aventura.”
(Thomaz Brandolin, aventureiro profissional, membro da primeira expedição brasileira ao Everest, palestrante e autor de três livros)

“A cada página eu me sentia caminhando ao lado [do autor], nas partes em que [ele] conta sobre sua vida eu me sentia seu amigo. Foi muito prazeiroso acompanhar essa aventura.”
(Rômulo de Oliveira Cardoso)

“Ao terminar o livro, senti como se estivesse ao lado do autor. A cada passo, a cada descrição, a cada centímetro do caminho era como estar junto do autor, sentindo e vivendo a aventura. Simplesmente inebriante! Vale cada segundo de leitura!”
(Marco Brasil)

“O livro nos leva para as Highlands [da Escócia]. É como se estivéssemos ao lado do autor.”
(Daniel Ramos)

“Duas viagens na mesma história, uma física e outra na cabeça. Adorei a forma como o livro narra uma aventura por belas trilhas na Escócia, mas também [narra] uma jornada para refletir sobre alguns conflitos pessoais.”
(Tatiana Peig)

“[Terminado] o livro, deu vontade de pegar as tralhas, especialmente as impermeáveis, e rumar pr’aquele norte!”
(Suzy Vitoriano)
 
“Gostei muito do livro, em especial quando o narrador esquece que está narrando a história, esquece que está escrevendo um livro. A narrativa humaniza-se nesses trechos, ganha mais cor, mais organicidade. Trata-se de um livro, um caminho, uma chuva, um charco que te envolve do começo ao fim.”
(Demétrio de Azeredo Soster)

Informação adicional

Peso 0.38 kg
Dimensões 23 x 16 x 2 cm